Instituto Querô é convidado para mesa de debate deste domingo (03/09) no Festival Internacional de Curtas-metragens de São Paulo

by Instituto Querô

  • Postado em 14/08/2017

28festPT2016

A 28ª edição do Festival Internacional de Curtas Metragens de São Paulo está chegando! O evento acontece de 23 de agosto a 03 de setembro e como já é costume, além dos filmes selecionados para o festival que participam de mostras e exibições, terão também mesas e atividades diversas para ampliar debates e trocar experiências com profissionais do mercado e público.

Uma dessas mesas acontece no dia 03 de setembro, às 17h, no CCSP – Centro Cultural São Paulo e recebe convidados para conversar sobre os desafios na produção de Oficinas de Realização e o Instituto Querô foi convidado, e será representado pela Bruna Galvanese, atendente comercial da Querô Filmes e Instituto Querô.

O debate, que será mediado pelas Oficinas Kinoforum, irá tratar sobre os principais desafios da produção para estes projetos: como manter os apoiadores por perto; como conseguir patrocínio e apoios, sejam eles públicos e/ou privados; quais os mecanismos utilizados para viabilizar financeiramente e estruturalmente oficinas de realização; em tempos de crise política, como contar com financiamentos públicos para produzir oficinas; entre outros assuntos ligados ao tema.

Junto ao Instituto Querô, estarão representantes da Brazucah Produções, criadora das “Oficinas Cinesolar” que sensibiliza a expressão de jovens através da linguagem audiovisual por meio do formato “vídeo de bolso”, trazendo a sustentabilidade na região como o tema das oficinas; e o “Cine Trans Territorial” que desenvolve um projeto de oficinas de realização itinerante no interior da Bahia voltado ao público LGBT.

O Centro Cultural São Paulo fica na Rua Vergueiro, 1000 – Paraíso, São Paulo. Mais informações sobre o festival em: http://www.kinoforum.org.br/curtas/2017.


Produtora Querô Filmes

O Instituto

O Instituto Querô é uma ONG, que apoiada pela UNICEF utiliza o audiovisual como ferramenta para estimular talentos, e ampliar horizontes profissionais para jovens em situação de risco social.

Em nossas oficinas promovemos a inclusão cultural, com aulas de cidadania, humanismo e desenvolvemos o empreendedorismo, resultando em jovens mais conscientes e participativos.

Translate »